[Resenha] Ela (2013)

her-ela-filme-posterFilme: Her (Ela). 
Elenco: Joaquin Phoenix, Scarlett Johansson, Amy Adams, Rooney Mara
Direção: Spike Jonze
Gênero: Romace, Drama 
Ano: 2013 
Sinopse: Em um futuro próximo, Theodore Twombly (Joaquin Phoenix) é um homem que trabalha escrevendo cartas pessoais e tocantes para outras pessoas. Com o coração partido após o final de um relacionamento, ele começa a ficar intrigado com um novo e avançado sistema operacional que promete ser uma entidade intuitiva e única. Ao iniciá-lo, ele tem o prazer de conhecer “Samantha”, uma voz feminina perspicaz, sensível e surpreendentemente engraçada.

 Oi migos! 

Como primeiro post meu aqui no blog, quero fazer resenha de um filme que eu amo e com certeza está entre meus favoritos. Espero que vocês também gostem!

“Ela” nos apresenta um futuro, não muito distante, em que a tecnologia alcançou o ponto de criar uma interface com inteligência artificial, baseada nas preferências de seu ‘dono’, mas que tem capacidade de evoluir com suas próprias experiências. É nesse contexto que conhecemos Theodore, que acaba se apaixonando por Samantha, seu sistema operacional OS1.

Theodore Twombly (Joaquin Phoenix) é um homem de meia idade, retraído, tímido e extremamente emocional, sempre buscando sentir o que os outros sentem, e entender o mundo ao seu redor. Ele recentemente se separou de sua esposa, algo que ainda não superou, e o impede de conhecer novas pessoas. Assim, compra seu OS1 e conhece Samantha (Scarlett Johansson), alguém que traz de volta nele aquele interesse pela vida e coisas novas. Samantha, como não tem um corpo, aprende sobre o mundo através de Theodore e evolui a cada minuto, chegando a desenvolver sentimentos reais, como amor, excitação ou ciúmes.

O filme não é apenas um romance. Nos faz refletir sobre questões como a tecnologia, e o modo que ela interfere em nossa vida, assim como nossas relações. Também fala bastante sobre relacionamentos, de diversas maneiras. Uma coisa que achei realmente interessante, é que no começo do filme, o problema do relacionamento é o fato de a Samantha não ter um corpo, algo físico. Depois, com sua evolução, o problema acaba sendo que Theodore não consegue acompanhá-la, nos apresentando os prós e contras de ambos os lados.

Como eu disse, esse é um filme que eu gosto muito. Ele conta com uma fotografia linda, cheia de cores. Os figurinos são inspirados nos anos 70, o que deixa uma impressão de futuro-passado. Outra coisa ótima é a trilha sonora, que é linda e bastante melancólica.

As atuações são muito boas, com destaque para Joaquin Phoenix, que passa muito bem a insegurança e timidez do personagem principal. Também para a Scarlett Johansson, que não aparece nem uma vez em cena, mas sua voz é cheia de personalidade. E Amy Adams que interpreta a Amy, melhor amiga do Theodore, bastante inteligente e pé no chão.

Mesmo eu achando um filme ótimo, ele tem pequenos erros, como cenas desnecessárias, ou longas demais. O final também achei longo demais, e sem objetivo, teria gostado mais se fosse algo curto porém diferente. Mas isso não faz diferença em um filme com tantos pontos positivos.

Espero que vocês tenham gostado e que assistam. Caso já tenha assistido, deixe sua opinião!

Até mais, e obrigado pelos peixes!

Anúncios