[Especial] Especial Rainbow Rowell

Olá, pessoal

rainbow

Vamos falar de livros? Mais especificamente dos donos das mãos mágicas que os escrevem?
Então vamos de Rainbow Rowell

É vivendo em Nebraska que essa magnânima autora se dedica a desenvolver enredos apaixonantemente envolventes, trabalhando sempre uma realidade mais tangível, Rainbow confecciona personagens e histórias que modéstia parte apesar da simplicidade, são ainda mais gostosas de se ler.

Quem já leu, pode chegar a conclusão de que os livros dela parecem ter sido feitos para se degustar em uma tarde chuvosa, quando se está afim de mergulhar em algo afável e aconchegante, isso se reflete até nas capas, verifiquem os tons e a arte, são tão lindas que dá uma vontade de ter na estante de qualquer jeito (um dia eu consigo!).

A escrita dela é excepcional, de fácil leitura e de uma fluência temporal impressionante, mesmo com universos distintos nos gêneros comuns de trabalho, a essência e bom humor não se perdem e a tendência de humorizar algumas situações cotidianas comuns, são enaltecidas, ou seja, situações que “gente como a gente” já presenciou e até viveu – ou ainda não viveu – só que com uma pitada de comédia, o que leva o leitor a relaxar diante de posições que tendem a serem estressantes no dia a dia.

E na abrangência mais ampla de público que os títulos dela possuem, dá para recomendar para várias pessoas, dividindo em dois grupos: juvenil e adulto contemporâneo.

Se você curte aquela vibe mais adolescente vivendo seu tempo de estudo e romance, esses são tiro certeiro:

Eleanor & Park

Eleanor e Park

Em suas páginas, a obra discorre sobre Eleanor, a garota de roupas estranhas e Park, o descendente de coreanos, juntos, eles começam a descobrir características em comum, que vão além de compartilharem o rótulo de desajustados, como o apreço pelas HQ’s dos X-Men e Watchmen, até o mesmo o gosto musical. Um mix de músicas, sarcasmo, incontáveis emoções e do mundo geek, os dois criam uma ponte entre eles, que evolui afetivamente apesar do contragosto dos que os cercam.

A obra teve os direitos adquiridos pela DreamWorks e a gravação do longa teve início esse ano (2015, para referências futuras). Uma ótima notícia é o fato de que a própria autora está envolvida na produção, o que alivia aquele temor usual com as adaptações.

Fangirl

Fangirl

Fangirl narra a história de Cat, uma jovem comum sob a perspectiva da maioria, porém, ela é aficionada pela série de livros do Simon Snow, não obstante, ela cria fanfictions a partir do universo que ela tanto ama e leva isso muito a sério, sua histórias são tão bem tecidas que fazem um sucesso extremo na rede, com talento para escrever, ela inicia seu curso na universidade visando aprimorar esse talento, porém, conflitos com sua irmã, Wren, sua nova colega de quarto Reagan e amigo inseparável da mesma, Levi, acabam tirando Cat dos eixos e o fato de ter que enfrentar uma nova fase e os primeiros dias de aula, não ajudam em nada.

Agora, para você que prefere algo mais para a fase adulta e seus conflitos, esses aqui são ideais:

Anexos

Anexos

É através e emails que Beth Fremont e Jennifer Scribner-Snyder discutem os mais diversos assuntos que acometem suas vidas particulares, sim, mas… e daí? Daí que isso acontece nos emails de trabalho das duas e como todos na empresa sabem, alguém é responsável pelo monitoramento dos emails, enquanto Lincoln O’Neill ainda descrente de seu trabalho é verificar os emails dos outros, ele se depara com as mensagens cômicas dessa dupla inusitada. Mesmo sabendo que deveria relatar o que acontece na conversa das duas, ele não o faz e para piorar algo muda quando ele se sente cativado pela Beth, porém como ele apareceria para ela, como o cara que sabe todo o conteúdo das conversas com sua amiga?

Ligações

Ligações

Este é mais trabalhando no estilo New Adult, narrando a vida de Georgie Mccool, que está em uma fase estagnada de seu casamento, que vem sendo dessa forma a um bom tempo, ou talvez o fato de seu parecer estar em segundo plano desde o início seja o problema, ela ama o marido e tem certeza de que é um sentimento mútuo.

Porém nunca foi tão extremo, ao menos não até ela se recusar, dois dias antes, a ir em uma viagem com o marido, Neal e as filhas para passar o Natal em família, em que ele chateado com sua escolha, acaba partindo para o aeroporto com as crianças, mesmo sem ela, o que a deixa em dúvida sobre finalmente ter destruído tudo, já que em nenhuma outra vez ele fez as malas e seguiu sozinho, somente com as filhas. Ela estava a ponto de descobrir algo que viria a ser a chave para a salvação de seu casamento: uma forma de comunicar-se com o Neal do passado, uma chance de intervir a favor de sua relação antes mesmo que ela começasse a afundar, ou… teria sido melhor se o casamento não tivesse sequer ocorrido? O que ela deve fazer?

Outros títulos da autora:

Carry On, lançando em outubro desse ano (para quem estiver lendo isso do futuro, ano de 2015 tá?!), somente em território não brasileiro.

O presente do meu grande amorque na verdade trata-se de um livro que une vários contos e interações de autores em sua construção, alguns deles como: Gayle Forman (Se eu Ficar), David Levithan (Will & Will) e vários outros, o livro está disponibilizado aqui pela editora Intrínseca.


See ya!

cat

Anúncios

5 comentários em “[Especial] Especial Rainbow Rowell

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s