[Resenha] Uma Duquesa Qualquer

Livro: Uma Duquesa Qualquer (Spindle Cove #4)
Autora
: Tessa Dare
Tradução: A. C. Reis
Ano: 2017
Editora: Gutenberg
Páginas: 272
Sinopse: O que fazer com um duque relutante em se casar? A Duquesa de Halford – e mãe de Griffin, o duque libertino, irresponsável, que deseja apenas os prazeres da vida – tem o plano perfeito. Na verdade, ela conhece o lugar perfeito… Spindle Cove.
No paraíso das jovens solteiras, a duquesa insiste para que o filho escolha uma dama. Qualquer uma. E ela a transformará na melhor duquesa de Londres. Griff, então, decide achar alguém que acabará com os planos e com a ideia maluca de forçá-lo a se casar… Ele escolhe a atendente da taverna Touro & Flor, Pauline Simms – que nunca sonhou com duques ou com casamento, mas sim com o dinheiro que possibilitaria uma mudança completa em sua vida e na vida da pobre irmã, Daniela.
O duque e a Srta. Simms estabelecem um acordo: a mãe de Griff tem uma semana para transformar a criada em uma duquesa perfeita, então Pauline deverá ser um desastre durante sete dias e, se tudo der certo (ou melhor, se tudo der completamente errado), receberá mil libras e poderá realizar o sonho de construir a própria biblioteca em Spindle Cove.
Em pouco tempo, porém, o duque é surpreendido ao conhecer Pauline e descobrir que a moça é muito mais do que uma simples atendente, e a atração entre os dois é inevitável. Mas em um mundo em que as classes sociais são o que realmente importa, vence a ambição ou o coração?

Tessa sendo sensacional como sempre!

Se a Tessa não é uma maestra em construir enredos viciantes de romances de época então não sei como explicar o quão gratificante é conhecer mais uma obra dela, não só com personagens tão bem construídos e personalidades únicas, como também inseridos em contextos instigantes e é no mesmo cenário da aparente pacata Spindle Cove que uma duquesa viúva desesperada por manter a linhagem da família, leva o seu filho à força – porém desacordado, é claro – para buscar uma potencial nora e tutorar a escolhida, o que ela não esperava é que seu filho, Griffin, o duque de Duque de Halford tivesse o senso irônico e desafiador de entrar na jogada e fazer disso uma corrida contra o tempo.

Leia mais »

Anúncios

[Variedades] Os melhores apelidos românticos para se inspirar!

Ah, o amor está no ar!

Já pensou em como demonstrar carinho pela pessoa que você ama? A companhia que você gosta, está ao seu lado e lhe faz bem, não precisa se prender aos apelidos clichês – pode é claro, aqui o amor é permitido -, usar algo único para se referir a quem você gosta é uma forma de carinho – quando ela gosta, vale ressaltar – remete a ideia de que algum momento do seu dia foi investido para pensar no quão bem aquela pessoa lhe faz.

É pensando nisso que recapitulei meus casais fictícios, selecionei os apelidos mais fora do comum e nas mais distintas línguas para inspirar a sua mente a criar, pesquisar ou utilizar aquela referência para quem ama e melhor ainda, incitar a curiosidade para ler esses livros (a verdadeira intenção aqui é conquistar mais fãs, confesso):

Leia mais »

[Resenha] Romance com o Duque

Livro: Romance com o Duque (Castles Ever After #1)
Autora: Tessa Dare
Ano: 2016
Editora: Gutenberg
Páginas: 256
Sinopse: A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai.
Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida. Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais.
Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa. Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque…

Nada aqui fica pela metade, ainda mais com um incentivo delirante desse!

Tessa é uma criadora de histórias sempre sagaz, laça atenções e faz borbulhar constantes risadas com sua escrita cheia de humor inteligente, fortificando ainda mais seu enredo ao inserir uma heroína fora do convencional e aquele mocinho “cheio de marra” em que nós atiça a imaginar a sua queda para uma mulher além de seus limites “viris”.

Leia mais »

[Resenha] A Noiva do Capitão

Livro: A Noiva do Capitão (Castles Ever After #3)
Autora: Tessa Dare
Ano: 2017
Editora: Gutenberg
Páginas: 256
Sinopse: Madeline possui muitas habilidades preciosas: é uma excelente desenhista, escreve cartas como ninguém e tem uma criatividade fora do comum. Mas se tem algo em que ela nunca consegue obter sucesso, por mais que tente, é em se sentir confortável quando está cercada por muitas pessoas…
Chega a lhe faltar o ar! Um baile para ser apresentada à Sociedade é o sonho de muitas garotas em idade para casar, mas é o pesadelo de Maddie.
E, para escapar dessa obrigação, a jovem cria um suposto noivo: um capitão escocês.
Ela coloca todo o seu amor em cartas destinadas ao querido – e imaginário – Capitão Logan MacKenzie e convence toda a sua família de que estão profunda e verdadeiramente apaixonados.
Maddie só não imaginava que o Capitão “MacFajuto” iria aparecer à sua porta, mais lindo do que ela descrevia em suas cartas apaixonadas e pronto para cobrar tudo o que ela lhe prometeu.

Alguém disse Tessa? Isso mesmo ladies e lordes!

Tessa novamente laça admiradores em um livro digno de vivas e com um lirismo inteligente, além de um enredo cheio de personalidade, cada personagem é bem tecido e contribui para a trama com sua própria particularidade. A pitada de humor sagaz é um ícone nesse livro, a heroína é uma mulher que representa quem lê a obra em admiração, o pensamento que vai lhe assaltar é o que ela de forma desinibida vai sentir e ir além, vai expor, uma contraposição com um escocês cheio de segredos, um enigma para uma curiosa, o sinônimo de uma leitura sensacional.

Leia mais »

[Resenha] Diga sim ao marquês

Diga sim ao marquêsLivro: Diga sim ao marquês
Autora: Tessa Dare
Ano: 2016
Editora: Gutenberg
Páginas: 288
Sinopse: Aos 17 anos, Clio Whitmore tornou-se noiva de Piers Brandon, o elegante e refinado Marquês de Granville e um dos mais promissores diplomatas da Inglaterra. Era um sonho se tornando realidade! Ou melhor, um sonho que algum dia talvez se tornasse realidade… Oito anos depois, ainda esperando o noivo marcar a data do casamento, Clio já tinha herdado um castelo, tinha amadurecido e não estava mais disposta a ser a piada da cidade. Basta! Ela estava decidida a romper o noivado.
Bom… Isso se Rafe Brandon, um lutador implacável e irmão mais novo de Piers, não conseguir impedi-la. Rafe, apesar de ser um dos canalhas mais notórios de Londres, prometeu ao irmão que cuidaria de tudo enquanto ele estivesse viajando a trabalho. Isso incluía não permitir que o Marquês perdesse a noiva. Por isso, está determinado a levar adiante os preparativos para o casamento, nem que ele mesmo tenha que planejar e organizar tudo.

 Uma resenha de época para se apaixonar hoje!

Romance de época? OK. Enredo envolvente? OK. História de tirar o fôlego? OK e ponha uma grande OK para todos os requisitos dessa trama de tirar qualquer outra vontade que não seja ler esse livro magnífico. A Tessa Dare se reafirma a cada livro, não tem limites o talento e a capacidade de confecção de um belo livro da Tessa e em Diga sim ao Marquês, é construído um divisor de águas para reações que vão de apaixonantes a raiva desenfreada, Tessa é sensacional no que faz e com maestria transforma um livro em uma aventura cheia de romance e fãs, em apaixonados.

Leia mais »